domingo, 29 de março de 2015

Palavra de Vida #17

#PalavraDeVida

Viver o jejum, amando. Is 58, 1-9

Deus é Amor e por isso é sensível ao sacrifício de quem ama o outro. O jejum sem mudança de vida é sem sentido. Nós jejuamos para crescermos na capacidade de amar. Podemos fazer o jejum da língua não falando mal dos outros. Podemos jejuar daquele som que se ouve todo o tempo, de doces ou refrigerantes que poderiam se tornar uma doação. Podemos ser criativos. O Jejum só é verdadeiro quando se traduz em bem. Se for assim será um jejum alegre que dá frutos.

Desejo uma semana abençoada amores!
Mil beijos e até a próxima...